O que fazer com o seu carro em caso de inundação - Portal de dicas!

Informática

Culinária

Moda

Games

Automóveis

Viagens

Educação

Música

Cinema

Meio Ambiente

Relacionamento

Política

Saúde

Dicas Diversas

Você está em: Home » O que fazer com o seu carro em caso de inundação
O que fazer com o seu carro em caso de inundação
Por Redação | Publicado em 27 de julho de 2015 ás 19:42

Em grandes centros urbanos e muitas cidades do interior do Brasil, são frequentes os casos de inundações decorrentes das fortes chuvas e acúmulo de lixo nas ruas.

A possibilidade de recuperar um carro que tenha sido afetado por enchentes e alagamentos, depende do tipo do automóvel e os danos provocados. Carros com sistema eletrônico, o risco de perda total é bem maior. E quem acha que o motor é o único fator preocupante, se enganou. A substituição de lubrificantes, limpeza e o alinhamento das peças são fundamentais também na recuperação.

Rolls-Royce-alagamento

reprodução

Muitos dos casos, recuperar um carro inundado pode significar um alto custo para o proprietário e acaba não compensando. Isso se o veículo não possuir seguro, claro.

Para saber como agir nessas situações e amenizar os danos, os especialistas do setor automotivo dão dicas essenciais para os motoristas. Confira:

 

1. Atente para o nível da água ao realizar um trajeto em uma rua alagada.

O limite máximo de água, considerado seguro para a passagem de um automóvel comum, vai até o meio da roda do automóvel.

carro-alagamento2

reprodução

2. Se a água atingir o assoalho, desligue imediatamente o carro, desconecte a bateria e deixe-o no local até que seja possível retirá-lo.

Os principais danos causados pela inundação está no calço hidráulico, que consiste na entrada de água pelos filtros de ar, afetando o motor e danificando demais partes internas do veículo.

É importante também, desconectar a bateria para não afetar o sistema elétrico do carro. Não precisa ter medo de levar choques, o sistema foi projetado para evitar isso. São apenas 12 volts.

carro-alagamento

Foto: Uol

3. Dirija na primeira marcha

É aconselhado que o motorista dirija na primeira marcha sempre que estiver trafegando numa rua alagada (nível de água até o meio da roda). Se você mudar de marcha, no refluxo de gases, a água pode entrar pelo escapamento e o motor apagar.

Caso tenha que parar o carro, mantenha o pé na embreagem, coloque em ponto morto e pise nos freios com cautela, sempre com o veículo acelerado, assim a água não entrará no motor.

4. Não avance com o veículo em lugares que outros automóveis tiveram dificuldade.

O atrito frequente no lugar e a força da água podem abrir um buraco na rua. Além disso, se confirmada tal imprudência, a cobertura de seguro pode ser cancelada.

5. Após o alagamento, se a água atingiu o motor, retire as velas para dar partida

Se o carro estiver com ruídos estranhos, com trepidação ou com alguma espécie de entortamento, leve-o em uma oficina. Se a água atingiu o calço hidráulico, será necessário enviar o veículo para uma retífica (empresa especializada em recuperação de motores).

Veja +
() Comente pelo Facebook