Fake News: Dicas para identificar e não compartilhar

Informática

Culinária

Moda

Games

Automóveis

Viagens

Educação

Música

Cinema

Meio Ambiente

Relacionamento

Política

Saúde

Dicas Diversas

Fake News: Dicas de como identificar para não compartilhar
Por Dayane Grima | Publicado em 23 de outubro de 2020 ás 19:27
O termo em inglês "Fake News" significa noticia falsa, e nesse post vamos dar algumas dicas de como identificá-las .

O termo em inglês “Fake News” significa noticia falsa, e nesse post vamos dar algumas dicas de como identificá-las .

Somos bombardeados de informações a todo momento, recebendo várias mensagens todos os dias, com noticias e assuntos diversos,e na maioria das vezes compartilhamos sem procurar saber se são verdades.

As redes sociais facilitaram a disseminação das fake news de uma forma assustadora, em questão de minutos é possível espalhar uma noticia pelo mundo.

Se essa noticia for falsa, por exemplo, os danos podem ter efeitos devastadores como pânico social, linchamentos, difamações, calúnias, injúrias e até resultar em guerras.

Depois da ultima eleição presidencial, em 2018, pudemos entender na prática o que as fake news são capazes de fazer. A desinformação e a divulgação em massa de noticias falsas destruíram vidas, e causaram danos em um país inteiro.

O assunto é tão serio e tem consequências legais . Podem ser responsabilizados criminalmente tanto quem divulga como quem compartilha a notícia falsa sem checar a fonte, logo, separamos dicas que podem ser valiosas.

Sendo assim, como identificar uma fake news, e assim, evitar a propagação da mesma.

Confira a data da publicação

Algumas informações compartilhadas fora da época podem causar pânico. Notícias antigas sempre circulam novamente nas redes quando o assunto a que se referem está em alta.

Por exemplo, o numero de mortes causadas pelo coronavírus no pico da pandemia, se compartilhada agora, como se fosse atual, seria considerada uma noticia falsa visto que os números de casos e mortes, segundo os órgãos responsáveis estão em queda e/ou estabilizados.

A informação compartilhada foi verdadeira, mas com o passar o tempo ela se torna falsa, provocando confusão.

Verifique a fonte

Escolha sempre fontes seguras para compartilhar noticias verifique, por exemplo, o nome do(a) jornalista, a credibilidade do site, se existe a noticia publicada em outros sites , e , sempre que possível, confirme a informação em uma fonte oficial.

Cuidado com áudios e videos

Facilmente editados e tirados do contexto, é importante sempre procurar o vídeo ou áudio original, uma frase ouvida isoladamente, pode dar um sentido completamente diferente à conversa.

Leia a noticia até o final

Parece óbvio, porém, muitas pessoas compartilham a notícia apenas pelo título. Escolhidos a dedo para serem impactantes, eles chamam a atenção, mas, muitas vezes o texto não condiz com a manchete.

Lembre-se também de verificar os erros. Textos escritos em caixa alta, cheio de exclamações e erros de português são característicos de sites falsos.

Depois de identificar, denuncie

Depois de identificada a fake news, um passo importante para evitar a propagação da notícia é a denúncia. Essa opção está disponível na maioria das redes sociais ,como por exemplo, Facebook, e WhatsApp.

No Facebook, basta clicar nos três pontos no canto superior direto da postagem com informações falsas, em seguida, clique em “Dar feedback sobre essa publicação”, marque a opção “Notícia falsa” e depois clique em “ENVIAR”.

No WhatsApp, com a conversa aberta, clique nos três pontos localizados no canto superior direito, selecione a opção “Mais” e em seguida “Denunciar”.

Pronto, é simples e fácil fazer nossa parte para dificultar a propagação de notícias falsas.

Veja +
() Comente pelo Facebook